27 de maio de 2017

Prefeito Cláudio Filho Cacau garante entrega das casas do Conjunto Maria Gislene Matheus às famílias contempladas

Prefeito teve total apoio do Ministério Público Federal e Estadual, após vistoria realizada na tarde deste sábado (27). Residências serão entregues a todas as famílias contempladas, incluindo as atingidas pelas chuvas, neste domingo (28).

Texto: Izabelle Targino/Fotos: Lininho Novais

Diante toda situação de emergência e calamidade que se instalou em Marechal Deodoro após as fortes chuvas desta semana, o prefeito Cláudio Filho Cacau, com a consonância do Ministério Público Federal e Estadual, vai realizar a entrega das casas do Residencial Maria Gislene Matheus a todas as famílias beneficiárias, incluindo as vítimas das chuvas. As entregas serão realizadas a partir das 8h deste domingo (28).

Na tarde deste sábado (27), o procurador federal Edgar Castanheiro e o titular da 2º Promotoria de Marechal Deodoro, Silvio Azevedo, acompanhados do prefeito e equipe, realizaram uma vistoria nas residências e constaram condições de moradia, principalmente diante da situação de risco em quem as famílias se encontram.

Após a vistoria, o prefeito Cacau foi autorizado a entregar as residências. Somente poderão entrar nas casas as famílias beneficiadas e já sorteadas pelo município.

“Convidei o procurador e o promotor para mostra que as casas estão pontas e com isso nós fomos autorizados a fazer a entrega. Então neste domingo, a partir de amanhã, oito horas, estas famílias que já estão sorteadas, que são beneficiários das casas vão entrar no conjunto e saindo da zona de risco e da situação degradante em que estão. Tivemos ontem quatro casas que desabaram. É uma situação grave e ontem decretei emergência e calamidade pública. A gente não pode deixar a população sofrendo do jeito que está. Como prefeito do município eu não posso admitir esta situação porque além das vítimas das chuvas, temos famílias morando há dois anos em ginásios esperando as casas. Procurei Ministério Público Federal e Estadual e estou tendo total apoio”, disse o prefeito  Cacau.

Para receber as residências, é necessário que o beneficiário leve um documento. As famílias que estão desalojadas e desabrigadas, e que não fazem parte do grupo beneficiado com as casas estão sendo levadas para abrigos disponibilizados pela Prefeitura e terão o apoio necessário.

“Daremos toda a assistência necessária, com cestas básicas, atendimentos de saúde, além das doações que estamos recebendo dos deodorenses, que estão fazendo uma corrente de solidariedade. Não deixaremos estas famílias desassistidas”, disse o prefeito.